04/03/2014

Escreva algo bonito e verdadeiro aqui


Em uma semana eu fui digno de tentar parar de escrever, tentar escrever todos os dias e tentar fazer algo direito. Em uma semana eu acho, que bebi por uma vida e deixei de viver por qualquer garrafa. Em 7 dias eu tive tempo de refazer meu mundo mas escolhi me prender a algo que eu nem sei o que é.

Decidi escrever sobre algo fixo. Na minha cabeça, me veio 2 pessoas.

Vou começar por você. Que sempre veio e foi, como um traço doce sem fim e sem começo. De verdade, garota, acho que eu jogaria uma granada em explosivos por você. Não que eu esteja falando isso de uma forma, sei lá, carnal. Acho que o que a gente sente passou de ser carnal no momento que trocamos o beijo por um aperto de mão e respeito. Não acha também? Garota, eu preciso mesmo te falar, não sei o efeito que tu teve na minha vida mas sem dúvida nenhuma não foi pouco.

Já me falaram que todo amor de verdade antes precisa ser amizade. Você precisa ter a confiança em mostrar pra pessoa tudo de inútil que fez ou faz e aí ela vai entender porque, não tem porque não entender. Depois, quando ela já estiver acostumada com todas tuas noias, pode ser que ficar junto não seja uma opção terrível.

Com a gente foi o contrário. Na verdade, a gente sempre foi o contrário do mundo.

Começar como um amor, daqueles bem fortes, difícil de fazer com que todo o resto da população entendesse, tem lá suas vantagens, não acha?  Foi incrível te olhar por 14 dias e meio e ter a certeza de que você era minha.

Hoje, depois de sei lá quantos, ainda é incrível olhar e perceber que eu tenho uma parcela de culpa do teu riso.

Você é meu sufixo. Ou melhor amiga. Chamem como for.

"Minha maior tristeza é que todo novo amor que eu arrumo vem sempre com algum velho amor tão longo e bonito. E eu sofro porque com pouco tempo não consigo ser melhor que o muito tempo. E de sofrer assim e enlouquecer assim, nunca dou tempo de ser muito para esses amores porque estrago antes. Mas ela é um tipo de "meu amor". A única que consegui. Porque ela sempre volta. E meu coração fica calmo. E eu amo ela. E sempre acabamos suspirando aliviados "alguém é bobo como eu, alguém tem esse humor" e mais uma vez rimos da piada que inventamos, de quando eu fico bêbado e ligo pedindo clemencia. E esse é meu presente dessa fase tão terrível de gente indo embora. Quem tem que ficar, fica."

Um comentário:

  1. bianca sempre com os melhores textos do mundo, linda !

    ResponderExcluir

Obrigada por dar sua opinião!